You are currently browsing the category archive for the ‘Saúde’ category.


Medicamento generico eh comercializado no Egito?
[By Wally]

 

***

 

Veja bem, nao e como no Brasil, que vem escrito SO o nome da substancia quimica, na verdade aqui e como no Brasil antigamente (e ainda tem assim), que ha outros laboratorios que fazem o medicamento daquela mesma substancia so que com outro nome comercial. No Brasil isso e chamado de Similar, nao e? ( ou o vulgo BO) Aqui e assim, tem os laboratorios de multinacionais, que fazem aqueles medicamentos que nos conhecemos, tipo…Pfizer…faz o Dalacin (clindamicina) e tem outros laboratorios egipcios que fazem tambem um remedio a base de clindamicina, na mesma concentracao em miligramas, so que com outro nome comercial.  Eu em geral faco assim, se vou comprar um remedio e e muito caro – uma vez meu marido teve que tomar Azitromicina (Azi), que e bem caro, ai eu pedi ao farmaceutico que me desse azitromicina de um laboratorio mais barato, que em geral e lab egipcio, e ai ele me deu, e ficou menos da metade do preco. Os medicamentos aqui dos laboratorios nacionais sao baratos, mas alguns sao importados, por ex minha sogra usa uma daquelas bombinhas para asma, de um laboratorio multinacional, que custa 120 libras… Uma vez eu estava tomando Claritin ( loratadina) para alergia de picada de insetos, e nao estava resolvendo e eu queria compara Polaramine ( dexclorfeniramina), e descobri que nao tem aqui no Egito Polaramine, ai pedi ao farmaceutico pelo nome da substancia e ele achou um outro medicamento, nacional, com outro nome comercial, mas da substancia e dosagem que eu queria…e foi otimo…e super baratinho…e o unico que tirava minha crise de coceiras das picadas de pernilongos daqui…rs
[By Cris]

Aqui no Cairo funciona mais ou menos assim, nao sei te dizer se e em todo lugar, se e so isso, ou tem mais coisa, mas pelo que meu marido ja me explicou e pelas minhas experiencias…Ha os hospitais publicos, que nao sao gratuitos, voce tem que pagar tanto consulta quanto exames ou cirurgias. Ha variacoes de preco de hospital para hospital, sei que ha alguns publicos que cobram 1 libra a consulta, no hospital publico Haram, que fui hoje, alias, os egipcios pagam 20 libras pela consulta e todo estrangeiro (mesmo os residentes, como meu caso) pagam o dobro, em qualquer coisa, seja consulta, fisioterapia, ou exames. Passei por um fisioterapeuta e achei-o muito bom profissional. Cada sessao de fisio custaria 57 libras para eg ou 114 para mim…rs. Fui em outro hospital aqui no Haram, privado, fui fazer um exame de sangue, que disseram e cobraram 15 libras, e na hora que fomos pegar o resultado, e eles se deram conta que eu nao era eg, quiseram cobrar 30, ao que eu fiquei indignada, pedi meu dinheiro de volta e nao recebi o exame (e ja tinha sido furada, esse e o pior…..rs) O fisioterapeuta pelo qual passei era um pessimo profissional, nem olhou minhas ressonancias magneticas (estou com duas hernias de disco), e pediu que eu fizesse exame de acido urico, pois o problema poderia vir dai…fiquei P da vida, nunca tive problema de acido urico, tenho DUAS HERNIAS DE DISCO, diagnosticadas claramente pela ressonancia magnetica… Ja fui a um outro hospital privado (cristao), que custa 15 libras a consulta, tanto para eg ou estrangeiros, e sempre gostei dos medicos de la, mas e muito longe da minha casa.

E quado perdi meu bebe, na madrugada que estava tendo a hemorragia, fomos as pressas num hospital super chique no Roxy, fui super mal atendida, o medico e as atendentes foram uns acougueiros comigo e queriam um deposito caucao de 5 mil libras para eu poder ficar la no hospital e ver se iam fazer a curetagem ou nao. Fiz tambem uma cirurgia de uma retirada de nodulo da mama, no mesmo hospital cristao, particular, e o medico foi muito bom profissional, sempre coerente, enfim…e o preco da cirurgia e exames foram dentro de uma normalidade…o mesmo digo da minha medica ginecologista daqui, ela e muito boa, apesar do hospital ser muito simples, mas ela e bem competente. Agora isso de regalo nunca ouvi dizer, nunca aconteceu comigo nao…
Enfim, tem de tudo por aqui, bons e maus profissionais, tem que se ficar atenta…


Que bom que em Alex eh assim… Ja no Cairo, so por Deus!

Uma vez tive infeccao instestinal… Fui num Hospital particular no Dokki, me falaram que era apendicite… E que iriam me operar… Ainda bem que minha host family nao deixou e me levou pro hospital que dizem ser o melhor do Cairo, chama Al salam. Os medicos disseram que nao era apendicite e sim infeccao intestinal. So me deram um remedio na veia e fiquei tomando soro. Fiquei no hospital por algumas horas e a conta foi 10.000 pounds! Ainda bem que tinha convenio internacional… Se pra mim o preco foi salgado, imagina quem ganha em pounds…

Tenho uma amiga indiana que tambem quase foi operada sem ter nada….

Ha bons medicos aqui no Egito, sem duvida. Mas ha muitossss pessimos tambem.

Um dia tava passando de carro perto de um hospital publico e vi uma fila enormeeee… Se a fila pra tirar guia no SUS eh imensa, aqui entao nem se fala… As vezes as pessoas precisam ficar dias pra poder passar pelo medico. Um absurdo.


Não sei se no Egito todo é assim, mas em Alexandria há 3 tipos de hospitais:

- publico
– semi-público
– privado

O público é 100% bancado pelo governo.
O semi-público seria mais ou menos algo como o Sinam do Brasil, só que ainda mais em conta… e cobre todo tipo de tratamento, além das consultas
O particular é inteiramente bancado pelo paciente.

Eu fiz uma micro-cirurgia no olho (estética) num semi-público e fui atendida por um cirurgião diplomado nos E.U.
Isso foi em 2002 e custou em torno de R$60,00. Fui muito bem atendida, apesar da demora na sala de espera (o que não é de se estranhar) e não tenho reclamações do hospital.


Os hospitais particulares oferecem o melhor tratamento médico no Egito, mas não correspondem aos padrões encontrados no Ocidente. Os estabelecimentos particulars confiaveis ficam no Cairo e Alexandria, e os vinculados as universidades são geralmente competentes e bem equipados. Sem considerar se o paciente tem ou não plano de saúde, os particulares e os estatais provavelmente irão solicitar pagamento em dinheiro antes de fornecer qualquer tipo de tratamento. Se você não tiver fundos para cobrir isto, contate sua embaixada, que talvez possa conseguir que seus parentes ou seu plano de saúde façam o adiantamento das taxas. Peça recibo de todas as despesas, pois isso será necessário na hora de pedir reembolso do plano de saude. Com exceção do serviço particular do As-Salaam Hospital, no Cairo, as ambulancias não levam para medicos nem equipamento de emergencia. Como as linhas telefonicas no Egito estão sempre congestionadas, em caso de emergencia é melhor tomar um taxi para o hospital mais próximo do que chamar a ambulancia.

Follow

Get every new post delivered to your Inbox.